PT|

EN|

FR|

IT|

RU|

ES

Marca :: ABPM

ABPM discute os mercados de ouro e diamante

Publicada no dia 28 de Outubro de 2021

ABPM discute os mercados de ouro e diamante

Na manhã desta quarta-feira, 27 de outubro, a ABPM realizou mais um webinar da série "Mineração e Sociedade",  agora sob o tema: O fascínio dos mercados de ouro e diamante na mineração. O evento contou com as presenças dos vice-presidentes institucionais da Equinox, César Torresine, e da Lipari, Christian Schobbenhaus. A atividade foi moderada pelo presidente da associação, Luis Maurício de Azevedo.

O intuito da webinar foi discutir o cenário atual da atividade desses dois segmentos e as dificuldades enfrentadas pelas empresas de mineração, bem como avaliar o contexto em que os mercados de ouro e diamante se encontram, tendo em vista o alto nível de investimento e risco incorrido pelas empresas frente a concorrência desleal praticada por mineradores e garimpeiros ilegais. São "empresas de fachada" que operam   clandestinamente, contrabandeiam e comercializam bens minerais, especificamente ouro e diamante, cometendo  descaminhos de forma criminosa.

A Equinox, empresa produtora de ouro revelou duas preocupações com a concorrência dos garimpos ilegais. Um exemplo muito comentado na webinar foi a garimpagem clandestina de ouro na Amazônia, muitas vezes com invasões em terras indígenas e unidades de conservação onde, nos dias atuais, não é permitida a atividade de mineração. No caso das terras indígenas, embora haja previsão constitutional, tais atividades não foram regulamentadas por lei. Nas UCs, configura crime ambiental passível de reclusão.

O comércio internacional de diamantes, por sua vez, é regulamentado por um acordo internacional, do qual o Brasil é adeso., O comércio de diamantes entre países só é possível por meio da certificação Kimberly, que assegura a origem. Neste caso, uma empresa séria como  a Lipari só poderá exportar a sua produção seguindo essas regras de mercado.

Dessa forma, o evento trouxe elucidação sobre os assuntos discutidos. Os entrevistados das empresas puderam esclarecer não apenas como suas empresas atuam com consistência em cada um desses mercados, inclusive promovendo de forma responsável e consciente o cuidado com o meio ambiente, e também observando nas atividades citadas uma atenção maior para atender demandas sociais em cada um das suas regiões.

Veja o vídeo na íntegra no link a seguir: